Notícias

PBH faz parceria com ONU para desenvolvimento – Balcao News – Notícias de BH

Cidade vai receber melhorias em regionais.

A Prefeitura de Belo Horizonte firmou uma parceria com o Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (UNOPS) para o desenvolvimento de novos polos de qualificação do espaço urbano na capital.

O termo de compromisso foi assinado pelo prefeito Fuad Noman e o diretor e representante do UNOPS no Brasil, Fernando Barbieri.

A iniciativa, chamada de Programa de Qualificação das Centralidades, prevê investimento de R$ 135 milhões do Fundo de Desenvolvimento Urbano das Centralidades em projetos nos próximos quatro anos.

Ao longo dos próximos anos, a cidade será contemplada com ações de melhoria de espaços públicos, arborização, integração dos modos de transporte, dinamização das atividades econômicas, dentre outras.

De acordo com o prefeito Fuad Noman, os projetos que serão contemplados vão levar o desenvolvimento para toda a cidade. “É preciso conduzir o ordenamento do território, dando prioridade à provisão de infraestrutura e serviços, bem como a iniciativas de geração de emprego e renda em regiões, para além da área central, que se destacam pelo imenso potencial”, disse.

O Programa de Qualificação prevê uma cooperação dividida em três resultados. O primeiro é o planejamento, gestão, monitoramento e controle; o segundo é a implementação e consolidação das iniciativas do Programa e, por fim, a avaliação final da cooperação.

A expectativa é que a cooperação seja um grande passo frente aos desafios de equacionar necessidades de moradia, proteção ambiental, desenvolvimento econômico, mobilidade, dentre outras demandas cotidianas de toda a cidade.

O UNOPS é um organismo das Nações Unidas especializado em infraestrutura, compras sustentáveis e gestão de projetos.

Presente em mais de 80 países e com atuação no Brasil desde 2012, o Escritório atua principalmente em projetos de infraestrutura (com, por exemplo, a construção de escolas e hospitais), iniciativas de recuperação socioeconômica, apoio em compras e logística, urbanização de assentamentos e modernização do sistema de justiça juvenil.

Fonte: Balcão News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *